Beleza Receitas Maquiagem Vídeos Look do dia Viagens

Se inscreva no Canal

sexta-feira, junho 29, 2018

Revolução de corpos e mentes















Oi Ousadas! Vou bater um papo sincero com vocês.

A primeira coisa é falar sobre nossa Vênus.

A Vênus de Willendorf.



Ela foi encontrada na Áustria em 1908. Foi esculpida em calcário oolítico e pintada com ocre vermelho. Em 1990 foi estimado que ela tem entre 22 mil e 24 mil anos. Ela não tem a origem definida, porém, o quê se sabe é que ela por ter grande partes do corpo volumosas e braços bem frágeis representa fertilidade e fragilidade ao mesmo tempo.
   
         Mas por quê escolhi a Vênus de Willendorf pra falar hoje!?

Nós precisamos nos livrar de padrões. Vou mais fundo: quantas vezes você se sabota todos os dias?!

Quando te elogiam, você invés de agradecer com um sorriso, você colocou um defeito logo em seguida?! Quantas vezes você se achou feia demais pra paquerar qualquer um por estar fora do peso ideal?! Não foi à algum lugar por sentir que não tem uma roupa condizente?!

Eu sei que o mundo não colabora todos os dias exalando preconceito. Mas nós mesmas temos que mudar isso dentro de nós.

Por que você não agradece e complementa que acha lindo mesmo?!

Por que você é feia por estar acima do peso!? Você tem tantas qualidades tão incríveis que seu corpo é só um complemento.

Por que não usar um biquíni pra ir à praia?! Ou maiô pra ir na piscina?! Você é maravilhosa como seu corpo!



Tantas pessoas sentem o peso do preconceito o tempo todo. Olhares, risadas, julgamentos, comentários...

Mas eu tô aqui pra te falar NÃO DESANIMA, GAROTA!

Coloca seu biquíni e vá à praia. Todo mundo vai te olhar e que olhem! Olhem o quanto você é maravilhosa e segura de si (mesmo com muito medo por dentro).

Chega naquele cara que você gosta. O teu não é garantido, foca no sim. E se tomar o não, quem tá perdendo é ELE e não você.

VOCÊ É MARAVILHOSA!

E por que eu comecei falando da Vênus de Willendorf?! Simples: todas as representações dos mais famosos pintores e escultores foram relacionados à ela. Seu corpo grande e roliço porém frágil representa a mulher dentro de nós mesmas. Nós aprendemos que nos amar é importante desde que esteja dentro de um padrão. E muitas vezes, não estamos. Não é errado estar. Mas também não é errado não estar.

Nós tentamos nos amar mas sempre temos um comparativo social. E nisso tudo, nós esquecemos que somos maravilhosas por outras qualidades que sempre passam desapercebidas diante de um corpo,

Não estou falando pra você ter que mudar pro dia pra noite. Se amar é gradativo. Todo dia é certo que falhamos mas temos sempre o dia seguinte pra tentar de novo e de novo... até você se convencer o quanto é maravilhosa e incrível, e, principalmente que um corpo é só um corpo, nada além.

Claro, temos que nos cuidar. Mas o principal cuidado é com a mente. Nós temos que nos focarmos em sermos felizes (claro, sem exageros) mas nunca nos privarmos de nada! Deixar de se divertir, curtir a vida, sermos nós mesmas por causa de um corpo é péssimo pra nossa saúde mental e que acaba afetando o nosso corpo também.

Então, viva leve, com simplicidade e, principalmente, com felicidade!

Ah, principalmente, NUNCA deixe de ser corajosa!

Por mais que a maioria das pessoas te julguem, te discriminem, pelo menos uma você vai estar inspirando e assim fazer um "dominó do bem" onde todas são corajosas e inspiradoras como você.



SE AMA, GAROTA!



Beijos da . <3

Nenhum comentário:

Postar um comentário